Compras de fim de ano no varejo devem aumentar a “uberização” de promotores de vendas

Aplicativo de contratação de profissionais sob demanda é solução para o aumento de equipes de merchandising durante o período.



Indústria e varejo depositam nas vendas do final de ano grande esperança. Mas para que possam aproveitar da melhor forma a alta demanda de consumo nesse período, ambos os setores precisam fortalecer suas equipes de merchandising, para que o consumidor seja seduzido à compra no ponto de venda.


Visando esse período, a Allis (www.allis.com.br), especialista em Field Marketing e que vem se destacando no mercado com o Allis On Demand, aplicativo que oferece promotores especializados contratados por hora para demandas no PDV, salienta a importância da contratação desses profissionais, que podem interagir com o cliente assumindo o papel de consultor.


"Acreditamos que, principalmente durante a pandemia, o promotor de vendas deva ganhar mais funções, como orientar o shopper durante as compras, o que chamamos de 'visitas guiadas'. A ideia é que isso seja uma realidade no futuro do varejo físico para otimizar ainda mais o tempo do consumidor na loja", afirma Wagner Gutierrez, CEO da companhia.



Lançado no início da pandemia, o app apresentou crescimento de 300% entre os meses março e setembro e grande parte dessas contratações vem da indústria.


"A empresa inovou para poder atender a indústria e o varejo com os desafios que se estabeleceram atualmente e que precisam otimizar o investimento na execução do merchandising no ponto de venda, que possuem dificuldade de atender o varejo de cidades distantes e que precisam da qualidade do promotor dedicado com o preço do promotor compartilhado", explica Gutierrez.


O Allis On Demand disponibiliza ao contratante opções que vão do mais básico, como a reposição de produtos, até consultores especializados em vendas e resultados complexos. Com as novas atividades que a 'uberização' do serviço no PDV' agrega para esses profissionais, a adequação das lojas é de extrema importância.


O aplicativo hoje atende em qualquer lugar do País e já conta com 600 promotores de vendas - contratados dentro das leis trabalhistas - cadastrados. Somente neste momento já atendeu mais de 70 mil chamados, mas espera chegar a 200 mil até o final do ano e, para isso, tem em mente a contratação pelo menos mais 900 profissionais. O Grupo Pão de Açúcar, Wickbold, AB Brasil, Duracell, Ambev estão entre as empresas que utilizam o "uber" da Allis.


Para 2020, a Allis espera fechar o período com um faturamento de R$ 200 milhões, e acreditam que o Allis on Demand deve corresponder à 5% dessa estimativa.



FONTE: SEGS

logo 1 - transp@4x.png
  • Facebook
  • Instagram
  • Linkedin
  • Twitter
  • Pinterest

EVA - Escola de Varejo Aplicada © 2006 - 2020 | Um produto Renove - CNPJ: 08.992.904/0001-52